Cortei metade do meu cabelo. Eu, que sempre me imaginei loura, de cabelo comprido, magra, muito magra, e bronzeada a maior parte do tempo. Cortei metade do cabelo e estou a adorar esta sensação de leveza. Porque, às vezes, achamos que nos vamos sentir felizes de uma determinada forma e afinal não. E ser leve, não é só uma questão de peso. É, também, a capacidade de arriscar sem medo, de inovar, de mudar. Esta mudança de visual ainda não acabou, mas, até agora, está a valer. Dizem que quando uma mulher corta o cabelo está prestes a mudar de vida. Eu já estive mais longe de o fazer…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *