Há uns anos escrevi este texto, por esta altura do ano. Comecei isto de não comer açúcar porque tinha engordado no Natal, porque me sentia enfartada, porque me sentia mal, dentro do bem.

Dois anos depois, estou na mesma onda, mas a minha cabeça está muito diferente. Não parei de comer açúcar para me desentoxicar de nada, nem com o intuito de perder peso.

Há 15 dias que não como açúcar e, confesso, não sinto a mínima falta. Tive muitos momentos de teste e até agora passei em todos. Não sei como explicar este controlo, juro que não.

Mais, não sei até quando vai durar. Hoje uma amiga perguntou: até quando vais ter esta vida? Eu não sei responder. Só sei que a única coisa que me entusiasma é sentir-me absolutamente incrível.

Incrível por dentro, mesmo. Mais rápida. Mais forte. Mais atenta. Mais focada. Sem vontade de prevaricar. Pode ser psicológico, mas não me parece. Não me parece mesmo. Até quando? Não sei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *