FullSizeRender
Continuo a ficar muito surpreendida [e comovida] quando alguém me escreve a dizer que se inspira em mim e na minha história, para mudar a sua vida. Porque o que eu faço é apenas contar a minha história, que é igual ou parecida a tantas outras histórias. Sempre que leio o que me escrevem, sobretudo nos momentos menos bons, reforço o objetivo inicial deste blogue: escrever um diário que me ajudasse a perder peso, de forma comprometida. Na prática, esse objetivo inicial continua a ser cumprido quase todos os dias. Por isso, queria dizer-vos que o sentimento de gratidão é recíproco. Obrigada, de coração, por me continuarem a fazer querer estar saudável e equilibrada [dentro do género]. Já eu prometo que continuarei a escrever a minha verdade, com mais ou menos seriedade, mas sempre, sempre, com a perfeita noção que de sou uma miúda normal*, cujo o único desejo é estar em paz: comigo, com os outros, com a vida.

*Obrigada, Maria Correia Braga, minha leitora mais querida, por me achares uma miúda normal. Achas que eu fiz a tua manhã? Tu fizeste a minha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *