xis-741

Há várias dietas e disso já todos sabemos. Há dietas que privilegiam mais um certo grupo de alimentos, outras que excluem alimentos, enfim, há de tudo. Mas há, também, dietas que se baseiam na ingestão exclusiva, ou quase exclusiva, dos alimentos por si comercializados. É criada uma marca, um conceito, e, a partir daí, são elaborados uma série de alimentos que devem ser comidos naquela dieta, para que se consiga perder peso.

Eu já fiz uma dieta destas. Pudesse eu ser eleita como a Rainha das Dietas. Posso dizer-vos que funcionou durante uns tempos e é fácil de perceber porquê: em vez de comer as refeições calóricas que comia habitualmente, passei a comer as refeições daquela dieta. A ingestão calórica era menor, o exercício físico passou a acontecer com maior regularidade, pumba, perda de peso.

Agora, como é que eu pude pensar que aguentaria comer aquela “comida” para o resto da vida? Porque é isso que queremos ou não? Queremos perder peso e não voltar a ganhá-lo. E das duas uma: ou nos habituamos a comer aquilo que nos propõem para o resto da vida, comendo para sempre coisas que sabem todas ao mesmo ou o peso vai voltar. Já para não falar dos preços astronómicos que estas merdas custam. Se há dinheiro que me arrependo de ter gasto…

O que é que aqui é fundamental perceber? É fundamental perceber que se queremos perder peso para sempre, temos de ter um plano alimentar que nos vejamos a cumprir até ao fim dos nossos dias. Ninguém aguenta viver de barras, nem de batidos, nem de refeições pré-feitas a vida inteira. Para se perder peso, sem nunca mais o recuperar, é preciso comer comida a sério: alface, atum, ovos, frango, maçãs, morangos (estou a assumir que não há vegetarianos a ler isto).

Quantos quilos de legumes e fruta se comprariam com o valor de uma embalagem de barras de não sei quê? Quantos? Quantos tipos diferentes de frutos secos? Eu não tenho nada de controlar a carteira de ninguém, mas se emagrecer é o vosso objetivo, deixem-se de modas e guardem o vosso dinheiro para gastos que valham verdadeiramente a pena. Pagar a mensalidade de uma prática de atividade física bem acompanhada, por exemplo. Ai, se eu mandasse!

13 Comments on Isso, gastem o vosso dinheiro todo nessas merdas!

  1. Acabei de ficar conformada, tinha uma consulta marcada para iniciar essa dieta, mas tem razão é muito dinheiro, o meu problema é que faço muito ginásio, ate a semana passada tinha um coache ha 6 meses, faco boot cross spinning, e não consigo beixar o peso, começo a desesperar, porque nunca tive tão pesada, e começo logo a pensar fazer estas dietas todas, e essa em particular que diz que tem ótimos resultados. Mas vou seguir os seus conselho??

    • Claudia, a Perna Fina tem tanta mas tanta razão e sou do clube dela… ah se eu mandasse Mais grave é haver “profissionais” de saúde a extorquir dinheiro às pessoas com estes planos! Lamentável… A sua prática desportiva esta a ser acompanhada o que é óptimo, procure uma dieta equilibrada, regrada e com alimentos de qualidade. Tenho muitas dicas no blog pode espreitar e qualquer dúvida contactar-me através do e-mail us4all@sapo.pt
      Não sou nutricionista, estudo qualidade alimentar há muitos anos, mudei os meus hábitos e através do blog tenho ajudado a mudar os de outras pessoas (ah e é grátis claro 😉 ) mas sou muito chata e estou sempre a dizer às pessoas para cozinharem, para abandonarem os alimentos processados etc… é uma mudança que começa dentro de nós.

      Fico à sua espera por lá.
      us4all.blogs.sapo.pt
      http://facebook.com/us4all/

  2. Há todo um marketing a volta do mundo da dieta , e hoje em dia então acho que cada vez vais! Nunca fiz dietas a base de alimentos comparados através de “empresas” sites o que lhe queiras chamar. Mas sim está na moda ! É um modo fácil digamos assim de as pessoas se deixarem levar por um caminho melhor. Podem acha lo ou não … ! Eu sempre fiz varias dietas mas com comida a sério, fechando a boca , exercitando o corpo… Não há milagres de Cristo!

  3. Olá!
    Também já fiz uma dieta destas e também sou a rainha das dietas… Concordo contigo!
    Peço-te é uma coisa: deixa de usar calão, pois não é “cool”…sinceramente. As tuas palavras deixam de ter o efeito desejado. Pelo menos, é assim que eu sinto!

      • Aiiii!!!Não foi uma crítica( no mau sentido). Quis apenas dizer que ler os textos com esta linguagem torna-se – sem querer melindrar – aborrecido e não vai ao encontro da imagem que passou na TV, quando a conheci. Certamente que não falou assim na TV…
        Só isso!;-)

  4. Não deve haver “dietas” como aqui se fala delas neste post, deve haver uma dieta alimentar, seguida por cada um adaptada às nossas necessidades e minha gente, se durante anos ganhamos Kg não podemos querer perder numa semana ou num mês de ginásio… e não há milagres, comer com qualidade, 0% alimentos processados, fazer a comidinha caseira com muitos legumes, alguns hidrato de carbono, leguminosas, carne, peixe, nada de gorduras saturadas e de exageros, nada de repetir, guardar os doces para um ou dois dias de festa e o corpo aos poucos responde bem! Mas sem mexer o corpo diariamente (sim é difícil mas é possivel, toda a gente tem 30min para fazer abdominais, alongamentos, agachamentos, o que seja… em casa, na rua não é preciso gastar dinheiro, ah mas é preciso querer, é preciso querer muito…)

    us4all.blogs.sapo.pt
    http://facebook.com/us4all/

  5. Posso dizer que estou para fazer um post destes há imenso tempo. Porquê? Também eu fiz uma dieta dessas nutricionistas da moda (e até fiz um post sobre isso – que na verdade, vou apagar ainda hoje). Se emagreci? Sim, emagreci. Mas depois engordei em 5 meses aquilo que tinha perdido num ano. Não vale a pena. Concordo plenamente contigo naquilo que dizes. Se querem emagrecer, têm que mudar os hábitos alimentares e fazer exercício físico. E não é por um período de tempo, é para sempre.

  6. Também ja fiz essa dieta. É verdade que em pouco tempo já estava maginfica, mas acreditam que eu até salivava só de sentir o aroma de pão?
    Jamais noutra altura qualquer me apeteceria comer pão.
    ????
    Meu rico dinheirinho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *