image
Fui comprar um biquíni em março. Fui e assumo este meu devaneio. Não interessa muito dizer que é o biquíni mais lindo que já tive na vida, não interessa nada dizer que veste lindamente, interessa muito menos que esteja um pouco longe a época certa de o poder vestir. Interessa só dizer que olho para ele como um incentivo. É que quero muito estar à altura daquele biquíni. De tal forma, que estou a pensar pendurá-lo numa parede do meu quarto. Por ser tão lindo, serve como peça decorativa, mas serve, sobretudo, para me fazer lembrar que há sentimentos bem melhores do que enfardar um crepe com morangos e nutella (sobre isso escreverei já a seguir).

2 Comments on Motivação ou devaneio

  1. Percebo perfeitamente o sentimento, ando já de olho em vários modelos, afinal, são um reflexo de todas as horas de sofrimento, dores constantes, disciplina … e também um pontapé em todos os anos que evitamos a praia por nao nos sentirmos confortáveis! Estou curiosa para ver o modelo que escolheste, não nos queres mostrar :-P?

Deixe uma resposta para Perna Fina Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *