Passas a vida a querer viajar, a querer conhecer pessoas novas, a querer provar comidas diferentes. Vives os dias a querer chegar aonde não foste, a desejar o que ainda não tiveste, a fantasiar ser quem não és. Quando virá o dia em que te dedicarás a chegar a ti? Em que momento te disponibilizarás a conhecer a tua verdade? A ser e a fazer aquilo que nunca achaste ser possível, quando? Porque, às vezes, chegar ao centro de ti demora mais tempo do que viajar até ao outro lado do mundo. Não há aviões, nem escalas em cidades duvidosas. Não há transfers, nem táxis que te valham. Existes apenas tu e a tua vontade de viajar para dentro de ti, numa caminhada de autoconhecimento, que pode ter tanto de vitória como de frustração. Nem todas as pessoas conseguem chegar ao centro de si. Muitas passam a vida apoiadas em sonhos que nunca chegam a concretizar. A ter vontades que não passam de pequenos impulsos por cumprir. Tu vais ser uma dessas pessoas, vais? Ou vais fazer com que a tua história seja diferente? Quando é que vais começar esta viagem? Hoje, amanhã, nunca? Ou agora? Chega a ti, ao que mais desejas, supera-te e faz por ser, verdadeira e especialmente, feliz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *