dietas-blog1

Quem desejou perder peso em 2015, quando soaram as doze badaladas? Eu desejei sempre, durante anos, e o dia de hoje era o dia em que começava a dieta. Acabava-se o pão, o arroz, a massa, as batatas, os doces, os fritos. Acabava-se tudo o que eu gostava e achava que não podia viver sem e ser feliz. Restavam, apenas, umas deslavadas postas de peixe cozido, uns secos bifes grelhados, acompanhados por legumes crus ou cozidos, que me faziam descer ao inferno.

A coisa durava algum tempo. A roupa começava a ficar mais folgada. Eu empolgava-me e compensava o meu sucesso com um hambúrguer com batatas fritas ou algo do género. Com o passar do tempo, já não podia ver a comida que me era permitida. Tudo me causava náuseas e o meu corpo só me pedia uma fatiazainha de piza. Mais cedo ou mais tarde, tudo descambava e pimba, lá estava eu de volta ao pão, ao arroz, à massa, às batatas, aos doces, aos fritos, em doses industriais.

Tenho de me conformar. Vou ter de fazer dieta até ao fim dos meus dias, dizia eu para mim própria vezes sem conta. Estava tudo errado. Eu estava completamente errada. Claro que, por enquanto, há alimentos que não fazem parte do meu plano alimentar diário, mas o que eu como está bastante longe de postas de peixe ressequidas. No meu caso, tudo isto só foi possível com ajuda. Durante muito tempo achei que sabia o que estava a fazer, julgando que tinha a capacidade de criar a minha dieta. Não sabia nada. Sobretudo, não sabia que todas as dietas têm um fim, que ninguém as consegue fazer perdurar no tempo.

“Qual foi a dieta que fizeste?” Nenhuma, respondo eu, hoje em dia, quando me fazem esta pergunta. E continuo dizendo que mudei os meus hábitos alimentares, que me acabo numa box de CrossFit e que corro. Corro, o mais depressa que posso, para perder peso, para me sentir bem e para fugir a sete pés das dietas disto e daquilo, que só me tornavam uma pessoa menos feliz e bem-disposta.

1 Comment on Pelo fim das dietas

  1. Olá!
    Descobri hoje o teu blog, entre os vários blogs que sigo.
    Identifiquei-me imediatamente com este post! Eu também desejei emagrecer em todos os anos, e o ano passado foi quando decidi faze-lo. Também fiz dieta, também aprendi a comer, também me rendi ao exercício e ao crossfit (recentemente), também perdi peso e também falo de tudo isso no meu blog!
    Este ano, também com uns quilinhos a mais, consequência das festas, que têm de ser postos no lugar, o meu desejo é o fim das dietas: para sempre e sempre uma alimentação saudável, consistente e funcional!
    Beijinhos 🙂

    http://www.dietaparatotos.wordpress.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *