O Natal aproxima-se e eu já só consigo pensar nas iguarias em que vou meter o dente. Não ligo muito a rabanadas, nem a azevias. Eu quero mesmo é trincar um red velvet. E não me interessa se não é típico. É Natal, é Natal, e no Natal eu como tudo o que eu quiser (ou quase tudo, vá).

velvet-cake-2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *