Como gostei muito de arrasar comigo própria da primeira vez, ontem voltei ao Crossfit. Primeira felicidade: O Bonito estava lá, lindo como só ele, e prontinho para arrasar comigo. Primeira infelicidade: era a única mulher do treino. A única no meio de, p’raí, dez marmanjos em tronco nu, que rapidamente começaram a suar em bica. Segunda felicidade: O Bonito olhou para mim e disse: “Voltaste, Joana?” Eu devo ter corado até aos calcanhares e, por isso, apenas sorri.

A aula começou e com ela vieram os nomes estranhos que, mais uma vez, não consegui memorizar. O aquecimento, que durou três minutos, consistiu em fazer repetições de quinze agachamentos e de quinze elevações. Depois, começou o treino: um wod “especial” que prometeu mostrar aos praticantes de Crossfit a sua evolução. Este wod consistiu numa sequência alternada entre agachamentos com barra e peso (eu levantei uns vergonhosos cinco quilos) e elevações. Houve três rondas: na primeira tinham de ser feitas vinte e uma repetições, na segunda quinze e na última nove. Após todas as explicações começou o treino.

Ao fim dos primeiros vinte e um agachamentos eu comecei a arfar. Terminar, então, as vinte e uma elevações foi uma missão quase impossível. Valeu-me a motivação extra! Como disse no início, eu era a única mulher do treino (e novata, ainda por cima), o que fez com que durante todo o tempo só se ouvisse:
– ‘bora, Joana!
– Atenção a esses cotovelos!
– Baixa mais esse agachamento! (Eu baixava e ele gritava: MAIS!)
– É isso, Joana!
– É para bater com o peito nas argolas! (LOL!)

Quando terminei o wod, atirei-me para o chão. Depois, como toda a gente, escrevi no quadro o meu tempo: onze minutos e vinte e seis segundos. O treino acabou com os alongamentos. Num deles, teve de se dobrar uma perna por baixo do rabo e deitar as costas no chão. Para mim, a maior facilidade de todas. Para os gigantões, uma aflição. De repente ouviu-se: Esta é que é a tua praia, ãh, Joana!?

Olha o desgraçado, pensei eu! Viu-me duas vezes e já percebeu que gosto mesmo é de estar deitadinha de papo para o ar! Argh! Bem, no final de tudo, agradeci e disse que estava convencida, que me queria inscrever. O Bonito explicou-me tudo direitinho.

Desta vez, já não me custou tanto a voltar para casa. Querem ver que isto já está a fazer efeito? Também vos digo, se não é isto que vai fazer de mim uma Perna Fina…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *