Silêncio. Durante um semana inteira partilhei convosco o silêncio. (Desculpem!) Um silêncio vivido, consciente e reflexivo. Um silêncio, creio eu, de muito crescimento.

Tem fome de quê?, de Deepak Chopra. A minha última semana tem sido dedicada à leitura deste livro que, ou muito me engano, ou está a mudar a minha vida alimentar significativamente. E por que é que demorei uma semana a escrever sobre o livro? Porque é denso, inspirador, estratégico, avassalador, cruel e generoso.

O livro aborda a consciência das pessoas com excesso de peso, seja esse excesso de 3 ou 30 quilos. Leva-nos a pensar na postura perante a vida, o trabalho, as relações que mantemos e como essas vivências influenciam positiva ou negativamente o que comemos. Todas estas informações sustentadas por factos científicos, nomeadamente no que se refere a algumas hormonas (Deepak Chopra é médico endocrinologista).

O livro está cheio de questionários que me têm levado a avaliar o meu comportamento alimentar e, estranhamente, me têm levado a reformular alguns hábitos diários. (Sim, porque isto de ser uma Perna Fina não dá garantia de bons hábitos a ninguém.)

Gostava de conseguir passar-vos a grandiosidade do livro, mas não sou capaz. Tenciono mostrar-vos alguns apontamentos, resultantes das páginas que tenho selecionado e relido vezes sem conta.

Gostava que lessem o livro e que o pudessemos discutir. Adorava! Bem, eu ainda não terminei de o ler… Dou por mim, vezes sem conta, a voltar atrás. Estou doida com isto. Doida.

Haverá um sem número de nós cheios de fome. Mas teremos fome de quê?

1 Comment on Tem fome de quê?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *